PSICOSE – ROBERT BLOCH

Título Original: Psycho

Autor: Robert Bloch

Editora: DarkSide Books

Ano: 2013

Páginas: 256

SINOPSE: Livro que deu origem ao mais famoso filme de suspense de todos os tempos. Psicose conta a história de Marion Crane, que foge após roubar o dinheiro que foi confiado a ela depositar num banco. Ela então vai parar no Bates Motel, cujo proprietário é Norman Bates, um homem atormentado por sua mãe controladora. Belo suspense, de tirar o fôlego!

Escrito e publicado em 1959, Psicose logo chamou a atenção do grande cineasta Alfred Hitchcock que enxergou neste livro um grande potencial cinematográfico que o levaria a fama mundial e o transformaria em um dos maiores ícones cinematográficos do terror com a adaptação feita em 1960. Quem nunca viu a icônica cena do chuveiro? Mesmo quem nunca viu o filme, como eu, já se deparou com essa cena em algum momento da vida.

“Mary começou a grita. A cortina se abriu mais e uma mão apareceu, empunhando uma faca de açougueiro, e foi a faca que, no momento seguinte, cortou o seu grito. E a sua cabeça”.

A história começa com Norman Bates, o estranho proprietário de um motel que fica a beira de uma estrada muito antiga, o local não tem grande movimento e quase nunca recebe hospedes. Norman tem uma relação bastante conturbada com sua mãe, uma mulher extremamente dominadora e logo vamos percebendo que há algo errado com Norman Bates.

Quando Mary Crane foge da cidade roubando uma alta quantia em dinheiro, acaba se hospedando no motel Bates, e lá acaba sendo morta. Norman precisa proteger sua mãe da culpa pelo assassinato e terá que lidar com o investigador Arbogast e também com Lila Crane a Irma de Mary e Sam Loomis o noivo da falecida que decidem investigar o desaparecimento de Mary, onde todas as pistas apontam para este misterioso motel e parecem sumir ali.

O interessante nesse livro é todo o mistério envolvido, ponto central não é a vitima e sim o assassino. A história vai se desenrolando através das investigações feitas após a morte de Mary e a cada página o leitor vai ficando mais e mais apreensivo e ansioso pelo desfecho. O final deste livro é simplesmente bombástico. Daqueles que surpreende o leitor completamente.

Embora nunca tenha assistido ao filme, infelizmente acabei pegando um spoiler e já sabia o final do livro. Mesmo já sabendo todo o mistério e qual seria o desfecho eu me surpreendi, embora sabendo de tudo eu amei o livro, amei a forma como a trama se desenrolou e devorei o livro como se não soubesse nada da história. Outra coisa que me surpreendeu foi o próprio Norman Bates, ao mesmo tempo em que ele é um vilão ele é também vítima, não consegui julga-lo duramente e esse sentimento acaba sendo partilhado pela personagem Lila no final quando enquanto ela conversa com Sam a respeito de Norman.

“Ele deve ter sofrido mais do que qualquer um de nós. De certa maneira, eu quase posso entender. Nós não somos tão lúcidos quanto fingimos ser”.

Com suspense do começo ao fim o autor joga com a mente do leitor nunca nos deixando claro quem é de fato o verdadeiro assassino. Somente no final temos o clímax desta história e acabamos descobrindo o surpreendente desfecho.

Uma curiosidade a respeito deste livro é que Alfred Hitchcock adquiriu anonimamente os direitos de Psicose e depois comprou todas as cópias do livro disponíveis no mercado para que ninguém o lesse e, consequentemente, ele conseguisse manter a surpresa do final.

Norman Bates foi baseado no psicopata Ed Gein, o assassino de Wisconsin. Esse psicopata americano inspirou também outros assassinos de filmes como O massacre da Serra Elétrica (1974) e O silêncio dos Inocentes (1991).

A edição do livro esta maravilhosa, seguindo o excelente padrão DarkSide com o qual já estamos habituados, contendo imagens incríveis do filme. Recomendo muito a leitura do livro, quem ainda não conheceu essa maravilhosa obra deve ir correndo ler, pois é aquele tipo de livro que você começa e não consegue parar eu mesma o li em uma tarde. Agora vou finalmente assistir o filme que se tornou um ícone do horror igual ao livro de Bloch.

Loading Facebook Comments ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *